Conversas de Vila – A Belle Époque Paulistana em dois atos | dias 20 e 21/05 no Museu Lasar Segall

18527309_1338061806272815_2462230745807286918_o.jpg

Em programação alternativa à Virada Cultural – Oficiall, o #6 Conversas de Vila aborda a Belle Époque e o que representou para a cidade do ponto de vista da educação e da cultura. A conversa acontecerá no Museu Lasar Segall, apoiador institucional do evento, em parceria com o 1268 Café.

Compreendida entre as décadas 1900 e 1930, a Belle Époque foi um período central na modernização da cidade de São Paulo. Ainda provinciana, foi só em 1910 que equipamentos culturais da cidade, como o Theatro Municipal e o Viaduto do Chá, passaram a figurar na paisagem como marcos essenciais.

Foi também neste período que um ousado projeto educacional, encabeçado durante o governo Washington Luis, por nomes como Ramos de Azevedo (1851-1928) na arquitetura e José de Freitas Valle (1870-1958) no conteúdo programático, visou modernizar a metrópole seguindo o exemplo do que já ocorria há muito nos grandes centros urbanos da Europa – especialmente na França, referência de civilização e desenvolvimento para a elite brasileira da época.

Confira os temas:

> Arquitetura Escolar – Da Bela Época aos nossos dias

20/05 – 11:30 | Galpão do Educativo

Com Ana Gabriela Godinho Lima, Professora e Pesquisadora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo do Mackenzie e Coordenadora do Núcleo de Pesquisa Brasiliana.

A professora Ana Gabriela abordará o tema da Arquitetura Escolar, contextualizando o projeto do arquiteto Ramos de Azevedo com a realidade de uma São Paulo em início de desenvolvimento. É neste período que projetos, como a escola Caetano de Campos, ganham as ruas da capital.

Para entender o processo, a professora nos mostrará outros projetos arquitetônicos voltados à equipamentos educacionais, como os propostos pelo movimento Modernista, até chegar aos nossos dias.

> Villa Kyrial: o salão ‘esquecido’ da Vila Mariana
21/05 – 11:30 | Galpão do Educativo

Com Isadora Calil, jornalista e idealizadora do Conversas de Vila

Situada na Rua Domingos de Morais, a Villa Kyrial foi um importante salão de artistas, personalidades e intelectuais paulistanos centrado na figura do gaúcho Freitas Valle. Por lá circularam nomes como Lasar Segall; Mário de Andrade; Anitta Malfatti, Brecheret e outras figuras de movimentos de vanguarda.

Durante a conversa falaremos mais sobre este polo cultural desaparecido e também sobre a atuação de Freitas Valle na pauta da educação pública como congressista sob a República Velha.

Mais informações aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s