Feliz Aniversário Lou Andreas-Salomé: a primeira psicanalista

Screen Shot 2015-02-12 at 8.01.34 AMsalomefreudletters

Lou Salomé talvez seja mais conhecida por meio daqueles que a elegeram como musa. Rainer Maria Rilke dedicou a ela seu “Livro de Horas”. Friedrich Nietzsche inspirou-se nela ao escrever “Assim Falava Zaratustra”. Freud escreveu-lhe, após conhecerem-se em um congresso: “Na expectativa de que um dia eu possa ter a oportunidade de conversar com você em particular”.

Lou Andreas-Salomé, nascida Luíza Gustavovna Salomé, nasceu em São Petersburgo, Rússia, em 12 de Fevereiro de 1861. Foi poeta, ensaísta e intelectual de brilho próprio, mas talvez seu principal feito tenha sido criar uma trajetória própria para si, impensável para a maioria das mulheres de sua geração.

Salomé conheceu Freud em 1911, no Congresso Psico-analítico de Weimar. Após o que tornou-se sua discípula, musa e par intelectual, discutindo seus trabalhos e casos de pacientes, além de preocupações em comum como o narcisismo, métodos de trabalho e a psicologia do artista.

Escreveu o primeiro estudo feminista sobre as mulheres de Ibsen, e um estudo sobre a obra de Nietzsche. Barbara Kraft ponderou que Salomé, durante sua vida (1861-1937), presenciou “o fim da tradição romântica e se tornou parte da evolução do pensamento moderno, que frutificou no século XX. Salomé foi a primeira ‘mulher moderna’. A natureza de suas conversas com Nietzsche e Rilke antecipou a posição filosófica do existencialismo. E, por seu trabalho com Freud, ela figurou com destaque na evolução inicial e na prática da teoria psicanalítica.”

Sobre a importância de Salomé como referência feminina, Kraft coloca:

“A princípio, eu a vi como heroína – como merecedora do culto do herói, no que esse culto tem de mais positivo. As mulheres sofrem hoje, tremendamente, da falta de identificação com uma figura feminina heróica”.

Para nós, mulheres ligadas à arquitetura e ao design, Lou Salomé é uma referência de criação da própria trajetória de vida, de projeto e construção de si mesma, de experimentação e risco. Seu trabalho é fundamentalmente o de uma criadora: da possibilidade de afirmação do indivíduo, se sua abertura para o outro e para o mundo.

Ana Gabriela Godinho Lima

A imagem de Salomé que ilustra esse post foi encontrada no site da revista francesa: Philosophie Magazine. Confira no link

http://www.lyslydia.fr/portfolio/lou-andreas-salome/#!prettyPhoto

a coleção de imagens criadas pela ilustradora Lys Lydia interpretando momentos-chave da vida de Salomé.

A imagem da capa do livro foi encontrada em: http://www.brainpickings.org/2015/02/12/lou-andreas-salome-sigmund-freud-letters/

Abaixo, as referências que utilizei para esse post:

http://www.philomag.com/

http://www.philomag.com/les-idees/grands-auteurs/lou-andreas-salome-3814

brainpickings.org

http://www.brainpickings.org/2015/02/12/lou-andreas-salome-sigmund-freud-letters/

http://eternamentelou.blogspot.com.br/

http://en.wikipedia.org/wiki/Lou_Andreas-Salom%C3%A9

Anúncios

Um pensamento sobre “Feliz Aniversário Lou Andreas-Salomé: a primeira psicanalista

  1. Sempre admirei o trabalho, a garra, a força dessa mulher corajosa e pioneira, apesar dos preconceitos e olhares tortos.
    Parabéns, Gabi, pelo site, pelos posts e pelo empenho na causa do feminino. beijo grande
    Anita

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s